Página Inicial
A empresa
Cadastro
Destinos
Dicas
Eventos
Fale conosco
Fuso Horário
Hotéis
Links
Nossa Loja
Notícias
Promoções
Resort
Serviços
   
   Índice de Notícias
   
24/05/2006 16:44:34
Croácia se destaca pelo litoral e cidades históricas


Dubrovnik, cidade de 50 mil habitantes, já lucra com as belezas do litoral
  

Dubrovnik, cidade de 50 mil habitantes, já lucra com as belezas do litoral

Split - A Croácia tem um dos mais belos e recortados litorais do planeta, com penínsulas, baías e mais de mil ilhas banhadas pelo Mar Adriático. Neste cenário, ficam Split e Dubrovnik, duas das mais belas cidades do país. Não estranhe se, ao colocar os pés em Split, você for recepcionado com um ''bem-vindo à cidade mais bonita do mundo e arredores''. Nem pense estar diante de algum croata prepotente. Provavelmente, você terá acabado de encontrar um dos 200 mil orgulhosos habitantes da segunda maior cidade da Croácia. E, exagero à parte, não há como negar: Split é realmente belíssima.

Cidade antiga há registros de que os primeiros habitantes chegaram por volta do ano 293 d.C. , Split está localizada numa península na margem oriental do Adriático. É imediata e justamente associada às praias de sua baía, a maioria de águas calmas e areia branca e todas com um aspecto comum: parecem cartões-postais. Além do banho nas águas mornas da baía, outra opção são os passeios de barco.

Com centenas de casas construídas em pedra, na parte mais antiga a cidade tem ruas estreitas. Em várias delas, não é possível o acesso de carros. O antigo e o novo se confundem. É comum ver carros importados ao lado de verdadeiros calhambeques, dos tempos em que a Croácia, independente desde 1991, era uma república da antiga Iugoslávia. Na arquitetura, edifícios modernos contrastam com as antigas construções habitacionais dos tempos do comunismo.

O contraste não choca, mas produz situações estranhas, como na Baía de Marjan. Lá, há um porto forrado de iates novíssimos e luxuosos. Mas é só o visitante olhar para trás para se deparar com um edifício em ruínas (era um hotel que faliu) e, ao lado, com um prédio residencial de cinco andares, de vários apartamentos, todos com varanda e quase todas transformadas em depósito.

Alguns metros adiante estão as ruínas do Palácio Diocleciano, com seus bares lotados de locais e visitantes ávidos por saborear alguma das boas cervejas da Croácia e as iguarias da culinária local à base de frutos do mar. Com uma vantagem: em Split, como em todo o país, os preços são camaradas, se comparados a outros países da região.

Outra boa sugestão é visitar o Templo de Júpiter e a Catedral. Cansou? Não se preocupe. Em praticamente toda Split, encontram-se belas e arborizadas praças onde é possível descansar ao som do cantos dos pássaros e observar crianças brincando e marmanjos andando para um lado e para outro. Calmamente e com o bom humor revelado nos rostos sorridentes. Nada demais, quem vive em Split não parece ter mesmo motivo para deixar de sorrir.

SERVIÇO:

ORIENTE-SE
Idioma - croata
Moeda - Kuna croata
Câmbio - R$ 1 vale 2,78 kunas croatas
Fuso horário - quatro horas a mais em relação a Brasília
Para ligar a cobrar para o Brasil - não é possível
Embaixada brasileira em Zagreb - não há representação


« Voltar
Anterior Próxima

 

 

   
GELT